quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Arte na favela

"Eu nunca fui a um museu na minha vida, e agora eu estou vivendo em um", disse uma dos moradores da favela Vila Cruzeiro em São Paulo. Os artistas plásticos holandeses Jeroen Koolhaas e Dre Urhahn executam de forma vibrante a arte da beneficência que chamam de "Favela Painting". Koolhaas e Urhahn têm procurado incutir orgulho aos pobres dando a esses bairros uma aparência inteiramente nova e artística.


O time destes artistas vive lá na favela e organiza equipes de cidadãos locais para se juntarem a eles em suas pinturas. Koolhaas e Urhahn propõem pinturas que re-inventam o bairro e os produzem lado a lado com os habitantes locais. Os resultados são absolutamente deslumbrantes, uma colorida mistura de padrões geométricos que transformam o ignorado, o feio em obras de arte nas quais se vive. Aqueles que vivem nesta favela podem se orgulhar de suas casas e sua comunidade, graças ao trabalho de caridade da equi "Favela Painting".


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário